quarta-feira, 16 de junho de 2010

Batom e os Tributos



Do site: Portal dos Administradores

Todas nós sabemos o quanto a beleza da mulher brasileira é cantada em verso e prosa nos quatro cantos do mundo. Além disso, hoje em dia, a indústria dos cosméticos sempre apresenta um produto novo que nos auxilia a manter a vaidade feminina. Por conta disso, a consultora tributária Sueli Angarita da Solução Fiscal resolveu mexer com o bolso feminino ao revelar quanto se paga de tributo na compra de um simples batom.



Segundo Sueli, este setor da economia movimenta grandes cifras no Brasil, atravessando continentes: "Impossível não encontrar em um canto do nosso país, ou de qualquer outro lugar, uma mulher que deixe de destinar uma parte do seu salário para comprar aquele batom, um bom perfume ou um belo esmalte para unhas", afirma.



Pois é, manter-se bela faz parte do dia-a-dia de toda mulher, além de ser um exercício para manter a auto-estima, como consumidoras, é bom que se saiba que as mulheres colocam o Brasil no ranking dos países que mais investem em novos produtos que visam realizar o sonho de consumo da mulher brasileira. A questão é quanto custa uma boa maquiagem para aquele encontro tão esperado, ou mesmo, para aquela festa que promete ser de arromba? O quanto podemos traduzir em tributos cada embalagem de um bom perfume ou de um bom creme para cabelos?



"O brasileiro ouve falar muito sobre impostos, taxas e tudo mais que incide sobre os bens de consumo, através dos noticiários de TV, mas, ainda sim, é difícil visualizar em números toda essa parafernália chamada carga tributária brasileira", reflete.



Como exemplo, podemos citar um batom. Sobre esse preço incidem alguns tributos sobre a produção e que serão destinados aos cofres públicos. Entretanto, contrariamente ao crescimento do mercado dos cosméticos, a parcela tão alta de tributos ainda dificulta o acesso, de muitas de nós, a indústria da beleza. Sob essa ótica, podemos analisar o quanto colaboramos para o crescimento desse mercado. A carga tributária varia em função do produto e, no exemplo utilizado, o percentual é demonstrado a seguir:



Vejamos quanto custaria um lindo batom sem a carga tributária correspondente


Preço indústria: R$12,20
Preço varejo (PREÇO FINAL): R$16,22
ICMS - 25%: R$ 4,06
COFINS - 10,30%: R$ 1,26
PIS - 2,20%: R$ 0,27
IPI - 22%: R$ 2,68
Total tributos: R$ 8,26
Preço líquido (PREÇO REAL SEM IMPOSTOS): R$ 7,96

Percentual tributos sobre preço: 51%
Margem de lucro estimada varejo: 33%



Assim, a partir da demonstração acima, podemos perceber a quanto chega um cosmético tão desejado e consumido sem a carga tributária correspondente. Pensando nisso, é que se houve há muito tempo que se faz necessária uma reforma tributária que possibilite uma carga mais justa aos nossos bolsos.



Outro ponto importante é que pagar tributo é contribuir, por exemplo, para a manutenção do nosso sistema de saúde, para garantir moradia, segurança pública e outros direitos e garantias individuais definidos na Constituição Brasileira. Por esse motivo, que é de extrema importância que a população brasileira tenha noção, de maneira clara, da sua quota de contribuição para o desenvolvimento da sociedade brasileira.

Um comentário:

SUELI ANGARITA disse...

Decididamente, profissionais como nós, precisam conscientizar os brasileiros de sua cota de contribuição em relação a carga tributária. Só assim, faremos escolhas mais sensatas e estaremos assegurando um futuro melhor para nosso país.

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios