sexta-feira, 13 de junho de 2008

Duas mulheres na janela da Cracolândia





Por que o Brasil não preserva seu patrimônio como a Europa? Essa frase foi dita pelo presidente ao tentar justificar sua "decisão política" para reformar o Planalto.

Na realidade, o Brasil não preserva mesmo seu patrimônio. Há menos de seis meses do furto no MASP de obras de arte, agora é a vez da Pinacoteca. O mais curioso da história é que os assaltantes não usaram máscaras, entraram como visitantes, pagaram ingresso - como qualquer amante da arte, e sairam do prédio andando tranqüilamente. Detalhe: portavam duas telas enormes dentro de sacolas plásticas brancas,sem que ninguém mesmo se desse conta.



Segundo o secretário da Cultura de São Paulo, a Pinacoteca não tem seguranças, muito menos armados, nem sistema de alarmes, nem detector de metais. Não obstante, "sempre foi um local seguro"!

Atribui ele à vizinhança de não tão boa reputação a vulnerabilidade do local.

Bom sinal: a Cracolândia já deve estar aprendendo a se deliciar com as maravilhas da arte!

Tomara que quando recuperarem as obras, elas sejam mesmo as originais...

Um comentário:

Passageiro disse...

Fiquei muito chateado com isso, eles avaliam as obras de artes em 1 milhõs de reais, mas eu acho que elas não tem valos estimado, pois os artitas nem estão mais entre nos, é uma pena, só fico a pensar o que uma pessoa fará com uma obra de arte roubada, ela não poderá exibir o fruto do seu roubo.

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios