sexta-feira, 23 de maio de 2008

Os Óculos de Drummond




Poeta querido:

Hoje roubaram teus óculos. Coisas de um país sem visão!

Não os leve a mal, esses que não tiveram a oportunidade de te conhecer melhor.

Perdoe. No fundo, até foi melhor que você não visse o que anda acontecendo por aqui...

Os homens já não precisam de óculos, poeta. Estão cegos! Perdidos! No escuro...

3 comentários:

Anônimo disse...

Pobre Brasil e pobre Rio de Janeiro. Nem os monumentos fogem ao roubo. Uma vergonha mesmo.
Juliana Gomes Vianna

Passageiro disse...

Sem comentário, algo ridiculo, olha a que ponto a violencia chegou.

Helena disse...

Quando foi que perdemos o respeito e por que? Era um bem de tão grande valia. Por tê-lo, tratávamos bem nossas crianças que representam o futuro, os mais velhos pois guardam a sabedoria, tínhamos reverência por nossos dirigentes pois possuem a responsabilodade da promoção do bem comum. Perdemos o respeito, o perdemos. O passado, o futuro, as memórias, os nossos heróis, nada mais parece merecer valor. Com os óculos que se foram, vão as lentes que por tantos anos guardaram a visão de um Brasil melhor.

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios