quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Palhaçada





ATributarista também é cultura!

Você conhece essa música do saudoso Miltinho?

Cara de palhaço, pinta de palhaço, roupa de palhaço
Foi esse o meu amargo fim...
Cara de gaiato,pinta de gaiato, roupa de gaiato...
foi o que eu arranjei "pra" mim...

Estavas roxa por um "trouxa"
"pra" fazer cartaz.
Na tua lista de golpista,
tem um bobo a mais...

Quando a chanchada deu em nada,
eu até gostei.
A fantasia foi aquela que esperei.

Cara de palhaço, pinta de palhaço, roupa de palhaço
Pela mulher que não me quer...
Mas, se ela quiser voltar "pra" mim,
vai ser assim....
cara de palhaço, pinta de palhaço...
até o fim...

Pode-se até substituir a palavra MULHER por JUSTIÇA, que fica tudo certo!

E agora? Quem poderá nos defender???



Acho que só mesmo o Chapolim Colorado!

2 comentários:

Anônimo disse...

Amiga acho que devemos ver se tem no norte descendentes daqueles que mataram o cangaceiro Lampiao por muito menos coisas e fazer uma vaquinha para que eles estirpem este cancro das alagoas e acabem com ele colocando sua cabeca em praca publica ou por acaso o Renan Calheiros ja nao matou mais gente doente em filas,ou por falta de remedios com o que ele desviou ou mandou sua quadrilha roubar,que voce acha minha amiga,um abraco de seu amigo Valdir Costa

Dan disse...

Não sei porque tanta indignação Cris. O cara é um herói: come a capa da playboy, os amigos pagam a conta, e ainda por cima chama o povo brasileiro de otário e ninguém faz nada, ele é intocável...

Re(pug)nan(te)!

ps: Vi uma boa hoje, falando que ele é do Partido Me Dei Bem! Hahahaha

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios