sexta-feira, 27 de abril de 2007

KassabbassaK



Tendo em vista os desdobramentos da operação "Cidade Limpa" lançada em São Paulo, e no intuito de prestar um serviço de utilidade pública aos nossos leitores que eventualmente precisem de suporte técnico para as mais diversas situações que podem advir da implementação da referida campanha, ATRIBUTARISTA sugere uma rede de profissionais aptos a atender às necessidades da população envolvida, nas mais diversas hipóteses:

- se o anúncio de seu negócio foi removido pela Prefeitura e você não sabe que estratégia de marketing para usar agora, consulte o site: Kassab Media Marketing

- mas, se você preferir fazer valer os seus direitos de anunciar do jeito que bem entender, colar panfletos em postes, dependurar faixas etc., visite: Dr. L.C. Kassab

- se você, empreendedor, teve que fechar seu negócio já que absolutamente ninguém conseguia localizá-lo e agora está na rua, não perca a chance de ser assalariado de novo: habilite-se para um emprego na Recrutamento e Seleção Green & Kassab

- porém, se você é fabricante de placas e já está calculando o que fará com tanto dinheiro que ganhar com a encomenda de milhares de novos anúncios, aproveite a oportunidade e já vá pensando em investir na Kassab International Investments

- caso, na ânsia de arrancar logo a placa de seu estabelecimento porque os fiscais da Prefeitura estavam chegando, você desastradamente cai da escadinha e quebra o pé, não deixe de fazer uma visitinha ao ortopedista Dr. Kassab, em Michigan.

Ah... Já ía esquecendo. Se você fez tudo direitinho e contribuiu para a campanha Cidade Limpa, limpou, lavou e faxinou, só falta secar: Toalhas Kassab.

Brincadeirinha, viu Prefeito!



Os paulistanos adoram limpeza. Por fora e por dentro!

quarta-feira, 25 de abril de 2007

Babaquices Jurídicas



Vejam as célebres gafes em Tribunais... Estas são piadas retiradas do livro "Desordem no tribunal".

São coisas que as pessoas realmente disseram, e que foram transcritas textualmente pelos taquígrafos, que tiveram que permanecer calmos enquanto estes diálogos realmente aconteciam à sua frente.

Advogado: Qual é a data do seu aniversário?
Testemunha: 15 de julho.
Advogado. : Que ano?
Testemunha. : Todo ano.
______________________________________________

Advogado. : Essa doença, a miastenia gravis, afeta sua memória?
Testemunha. : Sim.
Advogado. : E de que modo ela afeta sua memória?
Testemunha. : Eu esqueço das coisas.
Advogado . : Você esquece... Pode nos dar um exemplo de algo que você tenha esquecido?
______________________________________________

Advogado. : Que idade tem seu filho?
Testemunha. : 38 ou 35, não me lembro.
Advogado . : Há quanto tempo ele mora com você?
Testemunha. : Há 45 anos.
______________________________________________

Advogado . : Qual foi a primeira coisa que seu marido disse quando acordou aquela manhã?
Testemunha. : Ele disse, "Onde estou, Bete?"
Advogado. : E por que você se aborreceu?
Testemunha. : Meu nome é Célia.
______________________________________________

Advogado. : Me diga, doutor, ... não é verdade que, ao morrer no sono, a pessoa só saberá que morreu na manhã seguinte? ______________________________________________

Advogado. : Sobre esta foto sua...o senhor estava presente quando ela foi tirada? ______________________________________________

Advogado. : Sr. Marcos, por que acabou seu primeiro casamento?
Testemunha. : Por morte do cônjuge.
Advogado. : E por morte de que cônjuge ele acabou?
_______________________________________________

Advogado. : Poderia descrever o suspeito?
Testemunha. : Ele tinha estatura mediana e usava barba.
Advogado. : E era um homem ou uma mulher?
_______________________________________________

Advogado . : Doutor, quantas autópsias o senhor já realizou em pessoas mortas?
Testemunha. : Todas as autópsias que fiz foram em pessoas mortas.
_______________________________________________

Advogado. : Aqui na corte, para cada pergunta que eu lhe fizer, sua resposta deve ser oral, Ok? Que escola você freqüenta?
Testemunha. : Oral.
_______________________________________________

Advogado . : Doutor, o senhor se lembra da hora em que começou a examinar o corpo da vitima?
Testemunha. : Sim, a autópsia começou às 20:30h.
Advogado. : E o sr. Décio já estava morto a essa hora?
Testemunha. : Não... Ele estava sentado na maca, se perguntando por que eu estava fazendo aquela autópsia nele.
_______________________________________________

****** Essa é a melhor ********

Advogado . : Doutor, antes de fazer a autópsia, o senhor checou o pulso da vítima?
Testemunha : Não.
Advogado. : O senhor checou a pressão arterial?
Testemunha : Não.
Advogado. : O senhor checou a respiração?
Testemunha : Não.
Advogado . : Então, é possível que a vítima estivesse viva quando a autópsia começou?
Testemunha : Não.
Advogado. : Como o senhor pode ter essa certeza?
Testemunha : Porque o cérebro do paciente estava num jarro sobre a mesa.
Advogado . : Mas ele poderia estar vivo mesmo assim?
Testemunha : Sim, é possível que ele estivesse vivo e cursando Direito em algum lugar!!!

sexta-feira, 20 de abril de 2007

Qual será o nome do Furacão?

sexta-feira, 13 de abril de 2007

Muuuuuuu...



CAPITALISMO IDEAL Você tem duas vacas. Vende uma e compra um touro. Eles se multiplicam, e a economia cresce. Você vende o rebanho e aposenta-se, rico!

CAPITALISMO AMERICANO Você tem duas vacas. Vende uma e força a outra a produzir o leite de quatro vacas. Fica surpreso quando ela morre.

CAPITALISMO JAPONÊS Você tem duas vacas. Redesenha-as para que tenham um décimo do tamanho de uma vaca normal e produzam 20 vezes mais leite. Depois cria desenhinhos de vacas chamados Vaquimon e os vende para o mundo inteiro.

CAPITALISMO BRITÂNICO Você tem duas vacas. As duas são loucas.

CAPITALISMO HOLANDÊS Você tem duas vacas. Elas vivem juntas, não gostam de touros e tudo bem.

CAPITALISMO ALEMÃO Você tem duas vacas. Elas produzem leite regularmente, segundo padrões de quantidade e horário previamente estabelecido, de forma precisa e lucrativa. Mas o que você queria mesmo era criar porcos.

CAPITALISMO RUSSO Você tem duas vacas. Conta-as e vê que tem cinco. Conta de novo e vê que tem 42. Conta de novo e vê que tem 12 vacas. Você pára de contar e abre outra garrafa de vodka.

CAPITALISMO SUÍÇO Você tem 500 vacas, mas nenhuma é sua. Você cobra para guardar a vaca dos outros.

CAPITALISMO ESPANHOL Você tem muito orgulho de ter duas vacas.

CAPITALISMO PORTUGUÊS Você tem duas vacas. E reclama porque seu rebanho não cresce...

CAPITALISMO INDIANO Você tem duas vacas. Ai de quem tocar nelas.

CAPITALISMO ARGENTINO Você tem duas vacas. Você se esforça para ensinar as vacas a mugirem em inglês... As vacas morrem. Você entrega a carne delas para o churrasco de fim de ano ao FMI.

CAPITALISMO BRASILEIRO Você tem duas vacas. Uma delas é roubada. O governo cria a CCPV- Contribuição Compulsória pela Posse de Vaca. Um fiscal vem e lhe autua, porque embora você tenha recolhido corretamente a CCPV, o valor era pelo número de vacas presumidas e não pelo de vacas reais. A Receita Federal, por meio de dados também presumidos do seu consumo de leite, queijo, sapatos de couro, botões, presume que você tenha 200 Vacas e para se livrar da encrenca, você dá a vaca restante para o fiscal deixar por isso mesmo Agora que você não tem mais vacas, suas terras são consideradas improdutivas e são invadidas pelo MST.

segunda-feira, 9 de abril de 2007

É Fantástico !

PlimPlim (Clique no Plim-Plim para a íntegra da reportagem)



Olha, acho que a Globo se superou ontem. Tudo bem, era Páscoa. Tudo bem, a gente até finge que acredita que coelho bota ovo. Tudo bem, a bandeira do Brasil global é azul com bolinhas cor-de-rosa.

Mas, realmente, quem teve o privilégio de assistir à fantástica baboseira dominical ficou boquiaberto com a "reportagem" sobre a Previdência.

Aquele apresentador (como é mesmo o nome?), vestido num impecável terno cinza-coelho, com as mãos no bolso e em pé, enceta a questão:

"Se você é brasileiro, deu duro a vida inteira e hoje vive da aposentadoria, responda rápido: no mundo inteiro, qual o país onde aposentados e pensionistas têm as maiores facilidades?"

Daí corta a câmera para a sempre simpática Glória Maria, embalada em rosa ovo-de-páscoa, que garante revelar antecipadamente conclusões de uma pesquisa exclusiva que responderá essa e outras perguntas. Os resultados - ela garante com um sorriso de criança que se lambuzou de chocolate - vão surpreender muita gente !!!

Poxa, eu me surpreendi mesmo. Não por não estarem França, Suécia, Alemanha, dentre os países que mais benefícios trazem aos aposentados. Não, longe disso! Todo mundo sabe que é o Brasil que tem o melhor sistema previdenciário do mundo (!)

 

Fiquei surpresa - atônita mesmo - com a cara de pau com que tratam o povo, o contribuinte, o atual e o futuro pensionista. Menosprezam a nossa inteligência o tempo todo. Pobre do pobre que contribuiu pouco e recebe menos ainda. Pobre do idiota que trabalhou muito e contribuiu muito: as conclusões globais conduzem à necessidade de "cortar" benefícios, essas regalias que contemplam menos de 2,9% (do PIB? da população brasileira? da audiência?) - eu odeio essa mania da Globo de estatísticas inúteis - que receberiam da previdência mais que 1 salário mínimo.

Temos que seguir a regra desta república lulista: nivelar SEMPRE prá baixo.

É. Que pena que nos tratam como imbecis.

Tudo bem: o jeito mesmo é acreditar em coelhinho da páscoa.

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios