quarta-feira, 14 de fevereiro de 2007

Brasil de Luto

ELITE PRIVILEGIADA

(Texto do Luiz Nassif)



Muitos se dizem aviltados com a corrupção e a baixeza de nossos políticos. Eu não, eles são apenas o espelho do povo brasileiro: um povo preguiçoso, malandro, e que idolatra os safados. É o povo brasileiro que me avilta !

Não é difícil entender porque os eleitores brasileiros aceitam o LULA e a quadrilha do PT como seus líderes. A maioria das pessoas deste país fariam as mesmas coisas que os larápios oficiais: mentiriam, roubariam, corromperiam e até matariam.Tudo pela sua conveniência.

Com muitas exceções, os brasileiros se dividem em 2 grupos :
1) Os que roubam e se beneficiam do dinheiro público, e
2) Os que só estão esperando uma oportunidade de entrar para o grupo 1.

Por que será que o brasileiro preza mais o Bolsa Família, que a moralidade? Fácil : Com a esmola mensal do bolsa família não é preciso trabalhar, basta receber o dinheiro e viver às custas de quem trabalha e paga impostos. Por que será que o brasileiro é contra a privatização das estatais? Fácil: Em empresa privada é preciso trabalhar, ser eficiente e produtivo; senão perde o emprego. Nas estatais é eficiência zero, comprometimento zero e todos a receber o salário garantido, pago com o imposto dos mesmos idiotas contribuintes.

Para mim chega!

Passei minha vida inteira trabalhando, lutando e tentando ajudar os outros. Resultado : Hoje sou chamado de “Elite Privilegiada” . Hoje a moda é ser traficante, lobista, assaltante e excluído social. Por isso, tomei a decisão de deixar de ser inocente útil, e de me preocupar com este povo que não merece nada melhor do que tem.

Daqui pra frente, mudarei minha postura de cidadão. Vou me defender e defender os direitos e interesses da nossa “Elite Privilegiada”.

Ao contrário dos últimos 20 anos, não farei mais doações para creches, asilos e hospitais. Que eles consigam os donativos com seu querido “Governo voltado para o Social”.

Não contribuirei mais com as famosas listinhas de fim de ano para cesta de natal, de porteiros manobristas, faxineiros e outros (O ABILIO TINHA RAZÃO). Eles já recebem a minha parte pelo Bolsa-Família.

Não comprarei mais CDs e não assistirei a filmes e peças de teatro dos artistas que aderiram ao Lulismo (lembra, tem que por a mão na merda!). Eles que consigam sua renda com as classes C e D, já que a classe média que os sustentou até hoje não merece consideração.

Não terei mais empregados oriundos do norte-nordeste (curral eleitoral petista). Por que eles não utilizam um dos “milhões de empregos gerados por este governo”?

Depois de 25 anos pagando impostos , entrarei no seleto grupo de sonegadores. Usarei todos os artifícios possíveis para fugir da tributação, especialmente dos impostos federais (IR). Assim, este governo usará menos do meu dinheiro para financiar o MST, a Venezuela, a Bolívia e as “ONG´s fajutas dos amigos do Lula”.

Está abolida toda e qualquer “gorjeta” ou “caixinha” para carregadores, empacotadores, frentistas, e outros “excluídos sociais”. Como a vida deles melhorou MUITO com este governo de esquerda”, não precisam mais de esmolas.

Não comprarei mais produtos e serviços de empresários que aderiram ao Lulismo. É só consultar a lista da reunião de apoio ao Lula, realizada em Setembro/06. Como a economia está “uma beleza”, eles não estão precisando de clientes da “Elite Privilegiada”.

As revistas, jornais e tv´s que defenderam os corruptos em troca de contratos oficiais estão eliminadas da minha vida (Isto É, Carta Capital, etc). A imprensa adesista é um “câncer a ser combatido”. As TV’s que demitiram jornalistas que incomodaram o governo (lembra da Record com o Boris Casoy?) já deixaram de ser assistidas em casa.

Só trabalho com serviços públicos privatizados. Como a “Elite Privilegiada” defende a Privatização, usarei DHL ao invés dos Correios, não terei contas na CEF, Banco do Brasil e outros Órgãos Públicos Corruptos.

Estou avisando meus filhos : Namorados petistas serão convidados a não entrar em minha casa. E dinheiro da mesada que eu pago não financia balada e nem restaurante com petista. Sem Negociação.

Não viajo mais para o Nordeste. Se tiver dinheiro, vou para o exterior, senão tiver vou para o Guarujá. O Brasil que eu vivo é o da “Elite Privilegiada” , não vou dar PIB para inimigo.

Não vou esquecer toda a sujeira que foi feita para a reeleição do “Sapo Barbudo”, nem os nomes dos seus autores. Os boatos maldosos da privatização (Jacques Vagner, Tarso Genro, Ciro Gomes), a divisão do Brasil entre ricos e pobres (Lula, José Dirceu) , a Justiça comprada no STF (Nelson Jobin), a vergonha da Polícia Federal acobertando o PT (Tomás Bastos), a virulenta adesão do PMDB (Sarney, Calheiros, Quércia), a superexposição na mídia do Lula (Globo).

Sugiro que vocês comecem a defender sua ideologia e seu estilo de vida, senão, logo logo, teremos nosso patrimônio confiscado pela “Ditadura do Proletariado”

Estou de luto ! O meu país morreu !



Não há como não concordar com ele !



Obs: Recebi um email, esclarecendo que o Nassif desmentiu ser esse texto de autoria dele. Disse mais: vai tudo contra o que ele pensa. Os leitores habituais dele saberiam disso. Os não habituais não...

Tudo bem, Nassif! Ainda que não seja você, muita gente concorda com seu "clone".

6 comentários:

Gaucho Getulio disse...

Concordo plenamente com o Nacif, do Dinheiro Vivo. Estou de luto tambmm.

jose roberto disse...

parabens, adorei seu artigo.

¢£åµÐ¡ø disse...

É isso mesmo falo tudo que está entalado na garganta de muitos brasileiros ...

Noites de Ronda disse...

Heiiiiii esse texto "Elite Privilegiada - Desabafo de Luis Nassif"não é do Luis Nassif. Parece que resolveram dar um descanso pro mala do Jabor e escrever textos no nome de outros famosos.
Olha só o que diz Nassif:
vem circulando um spam atribuído a mim, sob o título "Elite privilegiada". Vai contra tudo o que eu penso. Meus leitores habituais sabem disso; os não leitores, não.

Sem comentários.
Cibele

Betty Vidigal disse...

Não pode ser do Luiz Nassif. Ele tem um estilo refinado.

Isso é escrito pelo mesmo tipo de "escritor" q escrever coisas q começam com "tenho vergonha de ser brasileiro", ou "Até quando teremos que...?" ou "De Gaulle já disse q este não é um país sério".

Ou seja: é a reunião de uma porção de coisas q um grupo gde de pessoas diz com frequência.

www.blassoc.com.br/bettyvidigalapocrifia.php

Ana / RS disse...

Com certeza nao é do Nassif, ele é um vendido do PT e jamais falaria mal do rico partido que paga a contrataçao milionária de sua empresa. Pena que nao sei de quem é o texto, gostaria de parabenizar!

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios