quinta-feira, 6 de julho de 2006

Com o Rei na Barriga






Vejam só: ATRIBUTARISTA aparecendo no site do Feirão de Impostos, juntamente com periódicos do nível de Globo, Folha, Jornal da Tarde etc. (oh! - o décimo link abaixo!)...

 

15/12/04
JORNAL DA TARDE

SITE EDITORA GLOBO

SITE EDITORA GLOBO


23/08/04
JORNAL DA TARDE

FOLHA DA CIDADE - ARARAQUARA SP

PRIMEIRA PÁGINA -
SÃO CARLOS SP

TRIBUNA IMPRESSA - ARARAQUARA SP

...

09/08/04

FOLHA DE SÃO PAULO

SITE RÁDIO FM DIÁRIO DE SJ DO RIO PRETO

SITE A TRIBUTARISTA

SITE DO JORNAL MUNDO LUSÍADA

SITE NO OLHAR.COM

DIÁRIO DO GRANDE ABC

06/08/04

FOLHA DE SÃO PAULO

O ESTADO DE SÃO PAULO

GAZETA MERCANTIL

SITE REDE CATÓLICA E UNDA BRASIL

COMÉRCIO VICENTINO

O ESTADO DO MARANHÃO

   


Nunca é demais lembrar. Clique no PENSADOR

e saiba quanto você paga de imposto neste país de Meu Deus.

segunda-feira, 3 de julho de 2006

Efeito Velho Parreira...







"Depois da vergonhosa atuação de sábado, estaremos definitivamente livres do futebol lamentável do técnico Carlos Alberto Parreira? Ou os dirigentes da CBF, que vivem em um mundo milionário e completamente desvinculado da realidade do futebol, vão continuar insistindo na mediocridade?

* * *

Avaliação de muitas pessoas depois do jogo contra a França: vai respingar nas eleições presidenciais. O raciocínio de alguns é de que a desilusão com o resultado pode afetar a avaliação que o eleitor faz do governo. Quer dizer, em clima de euforia, o brasileiro é mais condescendente. Com a derrota, ficaria mais crítico.

* *

A outra possibilidade é fatalista. Há um consenso entre analistas políticos de que os adversários do presidente não conseguirão desbancá-lo na disputa. Sobraria aí a hipótese de Lula perder para ele mesmo. Afinal, se a melhor seleção do mundo perdeu (para si mesma), por que com Lula e o PT não poderia ocorrer o mesmo? Elementos para o PT se enredar não faltam.

* *

O certo é que agora, ainda sob os efeitos da ressaca futebolística, o brasileiro volta ao ritmo normal. Alívio para alguns, que já estavam cansados do excessivo espaço ocupado pelo tema seleção na vida nacional. Embora ainda tímido, cresce o grupo dos que acham que o Brasil pode e deve gostar de futebol. Mas que está faltando um pouco de critério. Na TV aberta, por exemplo, que é um espaço de concessão pública, quase tudo havia sido substituído pelo tema Copa. Uma avalanche de circo. Em um País aonde ainda falta pão."

fonte: Gazeta do Sul

Tomara que "ele"

seja "você" em outubro...

A torcida brasileira e a Nação agradecem, penhoradas!
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios